AOC AG273QCX 27 - Ecrã curvo com QHD e 144Hz!


Temos um novo monitor aqui no Meus Jogos... e que fantástico monitor! Para acompanhar a recente chegada de consolas e serviços da nova geração, a AOC teve a gentileza de nos conceder um upgrade ao monitor, com o novo  AOC AG273QCX 27.

Tal como o nosso ecrã anterior, este tem um ecrã curvo de 27 polegadas e um design bastante sóbrio e elegante, mas as semelhanças terminam por aí. É que este conta com uma resolução QHD (ou 2K, como preferirem chamar), HDR e uma taxa de refrescamento até aos 144Hz, o que faz dele um parceiro perfeito para uma consola como a Xbox Series S, mas também uma boa ferramenta de trabalho.



Comecemos pela caixa. Como já é habitual nesta marca, o monitor vem muito bem condicionado no seu interior, protegido por uma forte camada de esferovite e ainda uma bolsa protetora, para não sofrer qualquer dano durante o transporte. Ao abrir a embalagem, rapidamente se encontram as 3 peças principais do monitor, juntamente com uma caixa preta recheada de cabos para as variadas funcionalidades.

Além da proteção durante o transporte, toda a esferovite tem ainda uma utilidade adicional, servindo de suporte para fixar a base do monitor. Este é um suporte bem pesado e resistente, mas a sua instalação é tão simples como um “click” para alocar a coluna de suporte, outro “click” para o tripé no final. Depois, basta apertar bem o parafuso do tripé e voilá!, está montado o monitor. Com isto, é também muito fácil de voltar a desmontar e guardar, facilitando assim o seu transporte.



Por falar em simplicidade, até em termos de cabos a instalação é facilitada, com todas as entradas e saídas devidamente identificadas, na zona inferior do monitor. O facto da coluna de suporte ter uma abertura no meio também é bastante conveniente, pois permite passar todos os cabos pela zona central, em vez de se encontrarem todos espalhados. Até mesmo na ligação à tomada, ao contrário de modelos mais antigos, não é sequer necessário transformador. No mínimo dos mínimos, ligam-se dois cabos (tomada e imagem) e está tudo a funcionar!

Em termos de hardware, todo o equipamento é bastante sólido e robusto. Mesmo sendo um ecrã curvo, à primeira vista, parece um ecrã tão plano como qualquer outro, graças ao seu design. É muito fácil ajustar a posição do ecrã a gosto do jogador, tanto em altura como no ângulo do ecrã, podendo ser rodado tanto a nível vertical como horizontal. Já a nível de entradas, conta com duas portas HDMI 2.0, duas DisplayPort 1.2 e uma VGA, além de ter uma saída audio e uma entrada de microfone.

Integrados no monitor, estão também dois speakers de 5W que, embora estejam longe da qualidade de um aparelho dedicado, cumprem a sua função. Uma caraterística particular deste monitor é o círculo luminoso na parte traseira, que permite criar um agradável ambiente de cor. Mesmo no modo mais intenso, porém, o seu reflexo na parede só se irá destacar se a própria luminosidade do ecrã também for reduzida. Não se espere, por isso, algo comparável à tecnologia ambilight da Philips. Num ambiente de esports, porém, é fácil imaginar o impacto que este tem se, por exemplo, todos os elementos de uma equipa jogarem com o círculo na mesma cor. Um efeito também interessante é o de se poder sincronizar a intensidade dessa luz com a música ou efeitos sonoros.


Fotografar ecrãs é sempre complicado...

Se antigamente um bom monitor já era muito importante tanto para jogar, como trabalhar (neste caso, para o Meus Jogos), agora que estamos em teletrabalho torna-se ainda mais importante. Múltiplas ferramentas com diferentes finalidades dão uma utilidade ainda mais importante às configurações do ecrã que, além de já contar com vários settings predefinidos, deixa o utilizador criar e personalizar 3 configurações, alternado facilmente entre elas.

Uma questão importante, relativamente aos PCs, é garantir que se mexe nas definições de forma a tirar o máximo partido, tanto do equipamento como do monitor. Já no caso da Xbox, em termos de configurações, este é um processo bem mais simples tanto para se ativar o HDR como para verificar se está tudo como pretendido. Uma ferramenta útil, especialmente para quem gosta de saber o desempenho dos diversos equipamentos ou até mesmo dos videojogos a correr nos mesmos, é um simples contador de framerate, que se pode ativar no menu do ecrã.

Voltando à Xbox Series S, após testar vários jogos verificou-se que quase todos os experimentados tinham a sua fluidez constante nos 60fps, havendo alguns com perdas temporárias, normalmente associadas aos loadings. Já o menu da consola corre a 120fps... porque pode. Já no que diz respeito ao HDR, há jogos que se tornam mesmo muito mais impressionantes graças à maior game de cores e luminosidade. Até jogos "simples" como o Tetris Effect se tornam (ainda mais) deslumbrantes.


...confere, a foto não lhe faz justiça.

Não sendo um "topo de gama" 4K ou a 240Hz, o AOC AG273QCX é sem qualquer dúvida um produto premium, desde o design e materiais até ao seu grande desempenho. Não admira, por isso mesmo, que até grandes equipas de esports a nível internacional estejam precisamente equipadas com este modelo.

Mais informações podem ser encontradas no site oficial da AOC: AG273QCX


AOC AG273QCX 27 - Ecrã curvo com QHD e 144Hz! AOC AG273QCX 27 - Ecrã curvo com QHD e 144Hz! Reviewed by Telmo Couto on 09:00 Rating: 5

Latest in Sports