Coisas que não combinam com uma game night


Artigo por Bruno Maciel


Se forem como eu, já terão uma rotina no que toca a Game Nights. Ou sexta ou sábado, é certo que há jogatana cá em casa e o convite é uma mera formalidade, uma vez que todos já “reservam” uma das noites para o evento da semana!


Há quem o faça esporadicamente e há quem o faça regularmente. Como disse, no meu caso, fazemo-lo regularmente, mas nem por isso deixa de ser o “acontecimento” por que ansiamos durante a semana. Digamos que a Game Night é quase um pretexto para um grupo de amigos se juntar e com a vida a “acontecer”, e cada um a seguir o seu rumo, estas rotinas são importantíssimas para manter as amizades acesas.


Se és o habitual anfitrião da noite de jogos talvez te identifiques com alguns dos terrores com que já me deparei. Uns mais graves que outros, mas que tento evitar a todo o custo. Chamem-me picuinhas, mas cá vai:


SNACKS/FRITOS

Gordura em cartas? Não, por favor!!! Eu já uso sleeves em todas as cartas para as proteger destas situações e não só, mas ainda assim, quem gosta de tocar numa película de plástico peganhenta? Se forem convidados, evitem levar fritos ou escolham os momentos certos para os comerem!!!

O CONVIDADO INESPERADO/PLUS ONE

Para se poupar tempo na escolha dos jogos e na preparação dos mesmos, tendo a decidir o que se vai jogar e a fazer o setup na mesa para que quando os convidados chegarem, possamos logo começar o jogo. No entanto, de vez em quando, alguém lembra-se de vir acompanhado e não avisa. Não é grave, mas é chato, até porque há jogos que têm um limite máximo de jogadores e outros há que funcionam melhor com um “x” número exato de jogadores! Avisem com antecedência, por favor!


O “BARALHADOR DE CARTAS”

Estão a ver a imagem? Parece-vos que isto faz algum bem às cartas? Pois, para além de as ondularem, podem deixar marcas, sobretudo em jogos, cujas cartas têm uma função de identificarem secretamente o nosso papel no jogo. Os jogos são caros, ok?


SMARTPHONES

Uma Game Night é um noite de jogatana, mas de convívio também... com as pessoas que estão à nossa frente. Tirar uma foto ao jogo não faz mal algum, responder a uma mensagem ocasionalmente, também não... mas tê-lo ativamente na mão é péssimo. Estraga a dinâmica do jogo, mas diz muito sobre a importância que estamos a dar às pessoas com quem estamos.


AGENDAS SOBREPOSTAS

É aquele amigo que mal aparece diz “epah jogo só um jogo e vou-me embora porque já tinha uma coisa combinada às...”. Pelo menos, aqui em casa, os convites têm de ser filtrados, porque não posso receber toda a gente em casa. Se tens algo combinado, diz logo! Convida-se outra pessoa e não se estraga/interfere na Game Night.



Poderia falar de bebés/crianças, porque adormecê-las pode ser um desafio e nem sempre colaboram. Do barulho que pode incomodar quem partilha a casa convosco ou até mesmo os vizinhos. Há tanta coisa que pode interferir numa Game Night perfeita, mas estas são as coisas com que me debato com maior frequência. E vocês? Também são picuinhas com estas coisas? Que mais vos incomoda ou pode estragar uma Game Night? 


Coisas que não combinam com uma game night Coisas que não combinam com uma game night Reviewed by DICE Cultural on 10:00 Rating: 5

Latest in Sports