Battletoads


"Como recriar um clássico" poderia muito bem ser o título deste artigo. Afinal, é fácil pegar num jogo antigo e fazer uma versão HD ou remasterizada mesmo "a assapar", em troca de algum lucro, mas depois estariam a "engolir sapos" com as reações online de quem queria algo novo. Pior que isso, só mesmo tentar "coaxar" uma data de trocadilhos... croac!


*Ahem* Battletoads, o original, é um grande clássico da NES desenvolvido pela Rare e lançado em 1991. Fortemente inspirado pela popularidade das tartarugas ninja, o jogo era mais do que um mero beat 'em up, incluindo pelo meio da aventura diferentes tipos de jogabilidade, o que era nesses tempos particularmente surpreendente (mas ainda hoje consegue ser). Ficou também conhecido como o "dark souls" dessa altura, ou pelo menos teria ficado se então já se usasse essa expressão só para dizer que um jogo é difícil.


29 anos depois (a sério que não podiam ter esperado por 2021?), Battletoads está de volta, num videojogo completamente novo desenvolvido tanto a pensar nos fãs do original como em quem nunca jogou nenhum da série. Os sapos estão de volta, agora em busca da fama, porque afinal nunca chegaram a sentir o reconhecimento que outros heróis de outras franquias tiveram. Agora, só falta um bom plano para se tornarem verdadeiros influenciadores dos novos tempos. Que tal ir derrotar a Dark Queen?


Sem querer arruinar a história, podem contar com várias peripécias do princípio ao fim, todas elas acompanhadas de uma fantástica animação num estilo que facilmente se enquadraria no Cartoon Network, incluindo até mesmo o seu sentido de humor. Um trabalho tão bom que, por si só, é totalmente digno de um modo no menu principal, para se assistir novamente a todas as animações. Como em tudo, o sentido de humor é sempre algo relativo, mas consegue até quebrar a quarta parede com algumas das suas piadas, por vezes até mesmo no background. Sim sim, eles sabem que há por aí umas tartarugas famosas...


Essencialmente, este é um jogo beat 'em up que tanto pode ser jogado a solo como em modo cooperativo local, o que por si só leva a experiências bem diferentes. Para um jogador, esta é uma experiência bastante intensa, com uma dificuldade que vai aumentando de forma gradual à medida que se vai avançando. Normalmente, o jogo tem como regra apresentar novos inimigos num combate onde só eles aparecem, ajudando a aprender os seus movimentos e comportamentos, antes de os misturar com os previamente apresentados nos combates daí em diante. Cada um dos sapos tem diferentes caraterísticas, e por vezes alternar entre eles também pode ajudar, especialmente em combates mais intensos. Deixando os 3 morrer, porém, é game over e voltar ao checkpoint anterior.


Já em modo cooperativo, para dois ou 3 jogadores (e apenas em modo local), a experiência consegue ser tão mais divertida, quanto mais caótica também. Irão todos os jogadores brilhar, ou fazer a equipa arrastar? Felizmente, há dois modos de dificuldade à disposição: um bastante intenso ao nível dos originais, e outro bem mais acessível para toda a família desfrutar... mas nunca facilitar!


Este é um beat 'em up colorido, intenso e, acima de tudo, divertido. Mas tal como o original, é também mais do que isso, misturando géneros e variadas experiências pelo meio, algumas diretamente ligadas ao avançar da história. Não se admirem se aparecer um qualquer minijogo a meio de um cartoon, um puzzle a seguir a um combate, ou até mesmo um estilo de jogo diferente. O sentido de humor está sempre presente, desde as sequências de animação até cada um dos inimigos em combate, num trabalho que transpira a inspiração dos seus criadores. Tudo pela história, tudo pela diversão... tudo pelo estrelato! 


Incluído no serviço Xbox Game Pass, o jogo encontra-se agora disponível para Xbox e PC, oferecendo uma divertida e acessível, mas também intensa experiência de jogo. Quer sejam sapos da velha geração, ou então pequenos girinos, chamem os amigos e preparem-se para a diversão: chegaram os Battletoads!

Croac!

Nota: Análise efetuada com base em código final do jogo para PC e Xbox, gentilmente cedido pela Microsoft.

Battletoads Battletoads Reviewed by Telmo Couto on 09:00 Rating: 5

Latest in Sports