Unruly Heroes


Um nome genérico, quando parece não dizer absolutamente nada, consegue ser uma condenação para um grande videojogo. Unruly Heroes não poderia soar muito mais genérico, mas a verdade é que temos aqui um fantástico videojogo de plataformas, acção e puzzles que, depois da Nintendo Switch, Xbox One e PC, chega agora à PlayStation 4... e vale mesmo muito a pena jogar!

Unruly Heroes é um videojogo inspirado numa amada história chinesa conhecida como "O Macaco Peregrino ou a Saga ao Ocidente" que, diga-se, teria sido um nome bastante melhor do que o título do jogo. De facto são heróis improváveis, diferentes do que se vê em jogos deste género, mas excelentes 4 heróis e cada um com diferentes caraterísticas: Wukong, o Rei Macaco, Sanzang, o Monge Sonolento, Kihong, o Porco Ganancioso, e finalmente Sadmonk, o Bruto Sensível.


Este é um jogo de plataformas onde cada personagem tem caraterísticas próprias, incluindo nas capacidades de saltos e de combates, assim como os ataques especiais, sendo que, quando se joga sozinho, é possível alternar livremente entre os 4 conforme se vai avançando, algo que também se aplica para dois ou 3 jogadores, sendo que assim, ao jogar a 4, cada um estará com um personagem diferente e todos vão colaborando entre si. Ainda assim, por causa da estrutura dos níveis, acaba por ser mais divertido a 1 ou 2 jogadores do que com o caos de 3 ou 4 jogadores ao mesmo tempo.

De qualquer modo, seja para jogar sozinho ou com amigos, o jogo oferece uma experiência bastante agradável, com visuais belíssimos, níveis interessantes e puzzles desafiantes, tudo isto em cenários mesmo apelativos, com uma arte muito boa e efeitos visuais bastante bem conseguidos. Mesmo não sendo um jogo "AAA", é muito raro reparar-se nisso quando se fala de níveis tão bem conseguidos e com uma grande qualidade de detalhe. Talvez a banda sonora pudesse ser mais memorável, mas nunca deixa de ser agradável no jogo.

Os níveis são grandes e com uma enorme variedade. Sendo inspirado num conto popular chinês, o jogo vai seguindo uma temática visual e a história de criaturas e bosses de zona para zona da aventura, onde apresenta uma grande variedade de puzzles e ideias em que os níveis se inspiram. São níveis realmente bem construídos, interessantes e diversificados, que incluem até situações onde o jogador terá de controlar personagens inimigas, para uma jogabilidade diferente.


Cada nível conta com uma boa série de moedas e segredos bem escondidos para o jogador colecionar, puxando assim pela rejogabilidade de cada um mesmo depois de se ter acabado o jogo, assim como o tempo de completar os níveis. Antes de entrar em cada um, o jogador pode escolher a dificuldade entre fácil, normal (Recomendado) ou mais difícil, adaptando-se ao estilo de cada um. O grau normal oferece um bom desafio sem ser frustrante, mas atenção que os níveis de cada boss serão bem desafiantes. Este último aspecto, entre outras novidades, faz parte do "Challenge Update" que vem incluído com o lançamento do jogo na PlayStation 4, mas chegará também em breve às restantes versões.

Além disso, o jogo inclui um modo completamente diferente, um modo PvP onde até 4 jogadores podem jogar localmente ou online num modo de porrada em cenários cheios de armadilhas, com vidas e power-ups para que ganhe o melhor mas, embora seja giro e divertido em pequenas sessões, está longe de ser o melhor deste videojogo.

Naturalmente nem tudo podia ser bom e, quem procurar aqui uma história profunda ou um jogo enorme poderá ficar desiludido, com uma cerca de 10h de aventura ao todo para quem só quer jogar os níveis uma vez. No entanto, sendo relativamente pequeno tem a vantagem de ser bastante original de nível para nível, oferecendo grandes experiências do princípio ao fim.


Sendo um jogo não muito grande, está disponível a um preço justíssimo no seu lançamento a 19,99€. Uma boa experiência, seja tanto para se jogar a solo como com até 3 amigos, nestes impressionantes níveis inspirados num conto chinês e com um belíssimo visual. Ficará por isso muito bem na coleção de qualquer fã de jogos de plataformas e acção.

Nota: Esta análise foi efetuada com base em código final do jogo para a PlayStation 4, gentilmente cedido pela Dead Good Media.
Unruly Heroes Unruly Heroes Reviewed by Telmo Couto on 28 maio Rating: 5

Latest in Sports