Antevisão: Warhammer Chaosbane




Para começar a falar acerca de Warhammer, tenho de confessar que nunca joguei nenhum jogo da série, sei que conta com alguns géneros diferentes dentro da própria série e Chaosbane está destinado aos amantes de Diablo, por isso esta antevisão é para esses jogadores.

Tal como referido, não esquecer que isto é apenas uma antevisão, apenas jogamos a beta de Warhammer Chaosbane na PS4, por cortesia da Upload Distribution, encarregue pelo lançamento do jogo em Portugal. No futuro, haverá mais umas sessões disponíveis da beta para aqueles que reservaram o jogo, entre hoje e dia 13 de março.

Dentro deste género, apenas joguei Heroes of Ruin na Nintendo 3DS, do qual gostei muito mesmo, embora seja mais básico que um Diablo III. Warhammer Chaosbane é jogado da mesma forma e por isso mesmo gostei imenso, especialmente se os jogadores tiverem contacto com a franquia.


Existem coisas que me agradaram, mas vou já começar por referir o que de mal esta beta nos apresentou. O menu onde acedemos ao equipamento e escolhas de os ataques especiais parece um pouco confuso, algo que no futuro o jogador poderá até habituar-se e que não é de todo o pior aspeto a apontar da beta. É de extrema importância corrigir o áudio, os diálogos existentes estavam completamente dessincronizados, o som falhava mas tudo isto apenas durante as cut-scenes. Algo que os fãs do famoso jogo da Blizzard podem comentar é o plágio, é realmente parecido, o universo medieval está presente, carregado com orcs e magias negras, a escolha de um estilo de guerreiro igualmente, seja mago ou guerreiro, quebrar barris para adquirir dinheiro, os próprios cenários são muito parecidos e por isso mesmo, é basicamente um novo Diablo mas com as suas falhas, embora seja necessário sublinhar que isto é uma beta.

É também possível jogar em modo cooperativo, o que é sempre de louvar. Mas a experiência a solo funciona muito bem e a jogabilidade é boa, os botões estão bem sinalizados para os ataques tornando o jogo acessível para jogadores novatos, no entanto, talvez para os veteranos o jogo tenha de ser jogado num nível altíssimo porque joga-se bastante bem e no modo normal é um passeio no parque e se calhar é por isso que já a beta apresentava uma enorme quantidade de níveis de dificuldade, uma pura loucura.


Sinceramente, não sei se haverá espaço para Chaosbane com a existência de Diablo no mercado mas, verdade seja dita, é sempre um jogo do género a ser explorado. O mais importante é que corrijam os erros de áudio existentes nos diálogos porque é bastante grave se isto não for reparado até ao lançamento.

Além deste período beta já disponível, haverá ainda outro em Abril, sendo que a data de lançamento oficial do jogo está prevista para 4 de junho.
Antevisão: Warhammer Chaosbane Antevisão: Warhammer Chaosbane Reviewed by Patrício Santos on 07 março Rating: 5

Latest in Sports