Breve História de Pandemic


Artigo por Cristina Fidalgo / Parceria DICE Cultural

Newsflash!!

Uma nova epidemia foi identificada, capaz de dizimar a humanidade do Planeta Terra… Tu e a tua equipa poderão encontrar a cura e salvar a humanidade. Estarão à altura do desafio?


Para os que possam não conhecer a história do Pandemic, este é um role playing game cooperativo e de estratégia. Criado por Matt Leacock em 2008, pode ser jogado entre duas a 4 pessoas, ou 2 a 5 se jogarem também com a expansão On the Brink, lançada em 2009, que veio adicionar mais personagens, cartas de eventos especiais e novos desafios ao jogo base que, quando combinados, trazem eventos que tornam o jogo ainda mais desafiante. Uma segunda expansão foi lançada em 2013, In the Lab, que trouxe também novas dinâmicas ao jogo base.


Em 2014 foram lançadas duas novas versões: o Pandemic: The Cure, versão de jogo mais focada na dinâmica de lançamento de dados, ainda que seguidora das mesmas regras do jogo base. Esta teve também uma expansão, dois anos depois, Pandemic: The Cure – Experimental Meds, que trouxe mais uma doença e um novo mecanismo de jogo. O segundo jogo lançado também em 2014 foi Pandemic: Contagion que tem o objectivo oposto ao The Cure, mais focado na dinâmica de jogo de cartas e não é cooperativo, mas sim um competitivo onde todos estão focados em eliminar a humanidade.

Já em 2015 saiu uma terceira expansão para o jogo base, State of Emergency, que adicionou mais personagens e novos desafios com animais contagiantes e uma super-doença que não pode ser curada. Esta expansão tem a particularidade de poder ser jogada em simultâneo com as expansões In the Lab e On the Brink.


Foi lançada em 2015 a versão Pandemic Legacy: Season 1, considerada pelo The Guardian como o boardgame com maior desenvolvimento no design moderno de jogos de tabuleiro e o melhor jogo de tabuleiro alguma vez criado. Ganhou ainda, no ano de lançamento, o prémio de melhor jogo temático; quatro Golden Geek Awards nas categorias de melhor jogo de tabuleiro, melhor jogo de estratégia, jogo mais inovador e melhor jogo temático, e tornou-se o jogo de tabuleiro melhor classificado na plataforma Board Game Geek.

Esta versão foi criada por Rob Daviau e Matt Leacock e vem trocar as voltas às regras base do jogo Pandemic introduzindo a mecânica de Legacy onde, à medida que o jogo se desenrola e decisões vão sendo tomadas, traz consequências irreversíveis. A história que vai sendo criada vai mudar permanentemente a cada jogo pois os jogadores escrevem nas cartas, rasgam cartas e colam autocolantes nas peças do jogo para serem usadas nos próximos capítulos. A versão seguinte, Pandemic Legacy: Season 2, foi lançada em 2017 e introduziu um tutorial de forma a que os jogadores possam aprender as novas mecânicas de jogo.


Em 2016, o criador colaborou com Chuck Yager e lançou na GenCon 2016 o Pandemic: Reign of Cthulhu, onde o objectivo é impedir a convocação do Monstro Cthulhu, que ameaça destruir tudo o que a humanidade conhece, através de plot twists que levam a enfrentar doze horripilantes personagens. Neste jogo não se encontram curas mas sim uma forma de fechar portais antes que os monstros invadam o Planeta.

Existe ainda uma série dejogos independentes que se focam em áreas geográficas. Pandemic: Iberia (2016) decorre na Peninsula Ibérica no ano de 1848 e introduz a mecânica das ferrovias e da purificação de água, onde os jogadores podem curar doenças que datam ao ano decorrente do jogo; Pandemic: Rising Tide (2017) que decorre nos Países Baixos, onde os jogadores tentam impedir inundações; Pandemic: Fall of Rome (2018) leva os jogadores para a altura em que Roma foi invadida e onde têm de construir um exército, fortificar as cidades e criar alianças.


Ainda em 2018, foi lançado Pandemic: 10th Anniversary Edition, uma edição de luxo do jogo original que foi criada para comemorar o décimo aniversário da série.

Mas não só de jogos de tabuleiro vive o universo de Pandemic, pois também no ano passado o jogo de tabuleiro foi adaptado ao PC e dispositivos móveis.


Na versão do Pandemic: The Board Game para PC, o jogo desenrola-se com as mesmas mecânicas de jogo do Pandemic base, com os mapas e personagens já conhecidas dos jogadores. As reviews dizem que muito mais poderia ter sido trazido a esta versão, com a introdução de mecânicas que as expansões das versões de boardgame trouxeram. Traz como modos de jogo o modo Solo, onde todos as personagens são geridas pelo único jogador em jogo, ou o modo Pass & Play, cooperativo, onde todos os jogadores têm acções em todos os momentos de jogo.

O mesmo jogo está disponível também para Android e iOS, com as devidas adaptações, oferecendo uma experiência bastante positiva especialmente em tablets. No entanto, tanto nesta versão como em PC, os jogadores sentem falta de uma vertente de jogo online.

Em finais de 2018, a Asmodee Digital anunciou que irá também adaptar o jogo para a Nintendo Switch, com lançamento previsto para 2019.
Breve História de Pandemic Breve História de Pandemic Reviewed by Telmo Couto on 10 abril Rating: 5

Latest in Sports