Notícias

Análises

9 de abril de 2014

Nintendo Direct: especial Super Smash Bros.


Tão rapidamente ficamos a saber que ia decorrer um Nintendo Direct especial dedicado ao rei do género de luta da Nintendo, como pudemos assistir à apresentação. O hype foi crescendo durante o fim de semana e muitos se questionaram sobre "o que vai ser mostrado?", ou mais importante ainda, "que personagens vão ser reveladas?". O convite estava lançado, os olhos e ouvidos preparados para mais informações sobre um dos maiores jogos do ano, e a atenção extremamente focada neste direct.

O nosso anfitrião foi Masashiro Sakurai, diretamente dos estúdios da Bandai Namco com as novidades que nos iam ocupar durante 40 minutos. Logo no início recebemos a primeira bomba: as datas de lançamento de ambas as versões. Com muita surpresa descobrimos que estas serão lançadas em alturas diferentes, e para agrado de todos a versão 3DS chegará mais cedo do que esperado, já para o próximo verão de 2014! Já a versão de Wii U será lançada, conforme esperado, durante a época natalícia de 2014, ou melhor, durante o inverno deste ano. Um lançamento que certamente irão aquecer as nossas casas devido às disputas que iremos ter nos nossos ecrãs, quer contra outros jogadores localmente ou através da internet.

Ficamos depois a conhecer diferenças entre versões, onde na versão 3DS foram anunciados os 60 frames por segundo com o 3D ligado, algo que irá resultar numa experiência fluida e uma excelente imersão no jogo devido ao efeito 3D. Foi novamente referido que o elenco será o mesmo entre versões, mas cada uma conta com cenários diferentes, onde de regresso está uma seleção de níveis clássicos de Smash Bros. anteriores. Também de regresso está a seleção de músicas nos níveis: na 3DS podemos optar entre 2 músicas, e já na Wii U temos uma quantidade mais variada de temas.

Mega Man e Sonic são convidados e contam também com níveis dedicados às suas séries e é precisamente no Castelo de Dr. Wily (de Mega Man), que surge uma das novidades, a presença de bosses durante as lutas, que irão aparecer nos cenários e criam um pequeno mini-jogo onde a sua derrota é uma competição para estratégia a ter em combate.

Podemos jogar contra os nossos amigos através da internet, onde definimos as regras de combate a nosso gosto. Já quando enfrentamos desconhecidos existem dois modos: Por Diversão e Por Glória. Quando jogamos Por Diversão os cenários são escolhidos aleatoriamente, aparecem todos os itens e ficam registadas apenas as vitórias. Já quando o fazemos Por Glória apenas o nível Destino Final estará presente, não aparecem quaisquer itens e ficam registadas tanto as vitórias como as derrotas. Este modo responde ao tradicional conceito de "No Items, Fox Only, Final Destination" que uma parte dos jogadores mais competitivos gostam de usufruir.

Devido a uma escolha bastante presente do nível Destino Final entre os jogadores, vários universos e músicas dos mesmos foram pouco apreciados, e por esse motivo estarão presentes versões do Destino Final de quase todos os universos presentes no jogo. Desse modo podemos ter uma luta numa arena ao estilo Destino Final, mas com visuais e músicas de Super Mario Galaxy, por exemplo.

Os nossos adversários online já não são anónimos e o seu NNID (Nintendo Network ID) aparece enquanto os enfrentamos. Foi anunciado um código de conduta que penaliza os jogadores que entram em campo e depois não jogam, os que se concentram apenas num único jogador, quem esteja constantemente em auto-destruição ou que desista frequentemente. Também os que denunciarem os outros jogadores sem motivo serão penalizados. Houve uma especial atenção na experiência online e para tal foi considerado um sistema de pontuação chamado Valor Smash Global onde uma estatística superior, ou pontuação, significa que esse jogador é melhor que X número de pessoas.

Uma das características que tornaram Smash Bros. emblemático é a presença de itens e personagens ajudantes que nos ajudam nas batalhas, e neste Direct ficamos a conhecer mais sobre alguns itens novos, como o Bloco POW e Barreira de Fogo de Super Mario Bros., o Escaravelho e Frasco com Fada de The Legend of Zelda ou o Escudo Posterior e a Moca Mineral de Kid Icarus, entre outros mais. Já no lado dos Ajudantes vemos de regresso vários rostos familiares que foram introduzidos em Brawl, e algumas novidades como a Corrente Dentada, Skull Kid, Midna, Mother Brain, Isabelle e Elec Man, entre outros. De regresso estão também os Pokémon que são invocados através das Poké Balls, que agora podem também ser Master Balls onde delas saem pokémon lendários como Arceus, Kyurem ou Xerneas. Podemos também contar com outros pokémon mais recentes como Chespin, Fennekin, Gogoat e Dedenne.

Mas uma das coisas que mais cativa os fãs são sem dúvida as personagens, e nesta apresentação ficamos a conhecer o regresso de algumas personagens e ainda mais uma adição ao elenco. Personagens como Samus com Armadura Zero e Sheik, que estavam presas a Samus e Zelda respetivamente surgem agora como personagens independentes, onde o jogador se pode focar apenas num único estilo de luta. Também de volta estão Yoshi e Charizard, este que se separou do Treinador de Pokémon, e para surpresa no final da apresentação Greninja foi apresentado.

Houve também um tempo dedicado aos outros personagens e algumas das suas novidades: Kirby conta agora com um ataque de carga de martelo, e o seu Smash Final é inspirado no futuro Kirby: Triple Deluxe; Rei Dedede agora atira Goldos para provocar mais dano; Lucario torna-se ainda mais forte quanto maior for o seu dano acumulado e consegue também atingir a Mega Evolução; Olimar agora conta apenas com 3 Pikmin, que os consegue invocar numa determinada ordem e conta ainda com os Pikmin Alados para o salvar de situações de pânico; Pit já não consegue voar tanto como em Brawl, e o seu Smash Final tira partido dos Três Tesouros Sagrados de Kid Icarus: Uprising (Palutena parece estar ausente dos seus ataques, talvez se esteja a preparar para entrar em cena?).

As novas personagens tiveram também o seu devido destaque, sendo elas as que chamam mais à atenção de momento por ter conhecido muito pouco sobre o modo como lutam: Rosalina e Luma contam com ataques bastante interessantes pois ambas as personagens podem estar em pontos diferentes da arena, tudo a comando de Rosalina. Entre vários movimentos podem ainda tirar partido do Campo Gravitacional para acolher itens diversos no cenário para seu alcance e até mesmo defletir ataques do tipo projétil! Outra estreia é Little Mac, que embora pequeno é bastante rápido com ataques devastadores, sendo para isso preciso estar no chão, pois quando se encontra em pleno ar é um personagem bastante vulnerável e os seus ataques não têm muito efeito. Pode ainda desviar-se, defletir ou contra-atacar de imediato, e como se não chegasse tem ainda um medidor de K.O., uma barra que assim que esteja cheia consegue eliminar facilmente os seus adversários com o seu K.O. Uppercut.

No trailer de apresentação de Super Smash Bros. tivemos logo de imediato boas surpresas a nível de personagens, sendo a primeira o Habitante de Animal Crossing, cujos movimentos tiram bom partido do personagem em si que com Pôr no Bolso pode guardar tanto objetos como ataques projéteis, voar num Foguete Lloid e até chamar Tom Nook e sobrinhos para uma Festa de Boas-Vindas para derrubar os seus adversários. Outra surpresa foi a Treinadora de Wii Fit, que usa os seus ataques de posições de yoga que podemos aprender no seu jogo, usando assim a saúde como uma arma (palavras dos criadores do jogo!). É talvez uma das personagens mais curiosas, por vir de um ambiente bastante relaxado para um campo de batalha. Tal como em Wii Fit podemos optar entre a treinadores do género feminino ou masculino, este que funciona como fato alternativo pois os seus movimentos são idênticos.

Por último Mega Man, um convidado especial que recria perfeitamente o ambiente dos seus jogos 8-bit, trazendo consigo todo um leque de movimentos inspirado em vários dos seus jogos (ou jogos onde apareceu), como o Deslize, Ciclone, Erupção Flamejante, Serra Metálica entre muitos outros mais. O seu Smash Final é algo especial para os fãs da personagem, pois invoca 4 Mega Man de outros jogos, entre eles Trigger de Mega Man Legends, jogo inicialmente planeado para a 3DS mas foi cancelado.

Uma das novidades são os Ataques Especiais Misteriosos, ataques personalizados onde os jogadores poderão escolher que versão do mesmo ataque se adequar melhor ao seu estilo de luta. Esta sistema de configuração irá permitir que 2 personagens iguais tenham desempenhos diferentes nas batalhas, mas é um sistema apenas possível de usar apenas quando jogamos contra amigos, quer online ou localmente. Futuramente iremos ficar a saber mais sobre esta mecânica!

Outro novo modo de jogo, exclusivo apenas na versão 3DS é a Aventura Smash. Este modo é bastante semelhante ao modo Subspace Emissary de Brawl, mas surge como uma versão mais ao estilo arcada onde em 5 minutos temos de percorrer um labirinto repleto de inimigos, estes que agora são personagens retiradas dos universos dos jogos representados em Super Smash Bros., e não personagens originais criadas de propósito para este jogo. Até quatro jogadores podem participar neste modo, onde devem apanhar os power-ups, potenciadores que dão maior velocidade, saltos mais altos, maior força e defesa, entre outros, tudo com o objetivo de ter uma personagem bastante forte para no final derrotar os outros 3 jogadores num campo de batalha comum, ao bom estilo Smash Bros., criando assim vários confrontos interessantes.

Foi com um trailer de apresentação de Charizard e Greninja que acabou este Nintendo Direct especial, repleto de novidades do início até ao último momento, aumentando bastante o hype gerado por este jogo. Faltam alguns meses para o lançamento da versão 3DS e ainda há muito por revelar, e por cá estamos bastante ansiosos para poder finalmente jogar este título e enfrentar os nossos amigos em qualquer lado. Para quem não conseguiu acompanhar o vídeo em direto fica em baixo a apresentação na sua totalidade:


Entusiasmados? Gostaram das novidades, e já têm um personagem favorito que vão utilizar como principal nas vossas partidas?